until I fall asleep.

conduxion

Eu preciso escrever uma música. É sobre uma mulher …

Ela havia perdido tudo, filhos, amores, família… Na verdade o crack a fez perder. Na verdade o crack a ganhou.

Depois de várias tentativas de tratamento, a volta às ruas era sempre o fim, ou recomeço do fim.

Mas pela última vez, ela estava mais otimista. Se aceitava, estava animada, ficou o tempo combinado para internação; e isso tinha um motivo: um novo amor. Seu novo “namorado”(entre aspas, pois eles não podiam sequer se beijar até que ela estivesse limpa), era ex-usuário. Militante da saída desse mundo.

E o caminho pra ela era o mesmo, seriam o casal do amor selado pela rehab.

Mas bem, o fim da história só pra quem ler a matéria original: Diário de uma quase sobrevivente da cracolandia perda total.

Será que se a gente viver pra sempre, vai dar tempo de acertar o timming, e ficar juntos? Nem que não seja pro resto desse “sempre”.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s